fbpx

Quimerismo pós-TMO, STR

CÓDIGO: ON-QMI

MATERIAL: sangue periférico (4,0ml EDTA) ou medula óssea (2mL EDTA), Swab bucal e cabelo com bulbo (10 fios) do Receptor; sangue periférico (4,0mL) do Doador.

PALAVRAS CHAVE: quimerismo, transplante, TMO

JEJUM: Não é necessário

QUESTIONÁRIO: Questionário obrigatório para PESQUISA DE QUIMERISMO PÓS TRANSPLANTE .

INSTRUÇÕES COLETA: 

– Sangue periférico, swab e cabelo podem ser coletados no Geneticenter, ligar para fazer agendamento.

– Paciente em acompanhamento: Não precisa de material do Doador se tiver feito o primeiro exame no Geneticenter. Somente sangue periférico do Receptor pós-TMO.

– Para o primeiro exame, enviar amostra de sangue EDTA do doador e do paciente pré-transplante (4 mL de sangue EDTA). Se não houver disponibilidade de amostra pré-transplante do receptor (pelo menos 30 dias antes do transplante), coletar cabelo com bulbo (10 fios da cabeça ou 6 fios de sobrancelha) e swab bucal.

CONSERVAÇÃO: Até 2 dias ambiente ou 7 dias refrigerado. 

CRITÉRIOS DE REJEIÇÃO: Coleta feita com anticoagulante errado

METODOLOGIA: PCR-STR fluorescente e genotipagem por eletroforese capilar

FORMA DE ENVIO DE LAUDO: E-mail / Site

PRAZO DE RESULTADO (a partir da entrada no setor técnico): 10 dias úteis.

OBSERVAÇÕES: A técnica é semi-quantitativa. Ela permite monitorar a pega do transplante e tem um limite de detecção de 5%.